MORTEN WAGENER

 

Veja como o dedicado CEO e cofundador da Butchers & Bicycles (@butchersandbicycles) apresenta você à sua Copenhagen, a partir do ponto de vista da sua premiada bicicleta elétrica de carga com inclinação, a MK1-E.

 

O Morten viveu em São Francisco, na Áustria, na Suécia e na Itália. E as suas bicicletas são vendidas atualmente em vinte e seis países. Mas seja onde for que o trabalho o leve, ele sempre retorna à Copenhagen: lar para a sua jovem família, o seu negócio próspero e uma das culturas de bicicleta mais interessantes do mundo.

COMO A CIDADE DE COPENHAGEN INSPIRA O SEU OFÍCIO?

Nós adoramos pedalar! Pedalamos por todos os lugares: para o trabalho, aos fins de semana, para encontros. Não é porque não podemos pagar um carro. É porque isto nos faz sentir bem. É uma escolha de estilo de vida. Mas as coisas mudam. Formamos família e apesar disso não queremos desistir de nossas bicicletas, especialmente porque elas são tão apropriadas à vida aqui em Copenhagen. E nesse sentido, a bicicleta de carga é simplesmente ideal. Porque permite que você mantenha a mesma liberdade e diversão que tinha antes, sem a necessidade de um carro.

Designer Morten Wagener

VOCÊ É APAIXONADO PELA SUSTENTABILIDADE DO CICLISMO. E VOCÊ TRABALHOU COMO DESIGNER INDUSTRIAL, CRIANDO PRODUTOS PARA VÁRIOS CAMPOS, INCLUINDO TURBINAS EÓLICAS. O QUE DEU ORIGEM À SUA CONSCIÊNCIA AMBIENTAL?

Acho que vem da minha infância. Por ser responsável e ter crescido com a compreensão de que eu teria que enfrentar as consequências das minhas ações. E o mesmo vale para a sustentabilidade. Às vezes esquecemos, mas tudo o que fazemos que importa.

VOCÊ PASSOU QUASE TRÊS ANOS DESENVOLVENDO A MK1-E. VOCÊ TEM DICAS PARA EMPREENDEDORES QUE SE ARRISCAM A ENTRAR NO NEGÓCIO?

Ficamos muito surpresos com o número de empreendedores que estavam dispostos a compartilhar seus conhecimentos e experiências. Começamos a trabalhar na MK1-E paralelamente aos nossos trabalhos em tempo integral. No momento certo, deixamos os nossos trabalhos e não olhamos para trás. Então, eu diria para não desconsiderar a importância de uma avaliação de risco completa e honesta; e uma forte rede local.

Designer Morten Wagener

DE QUE FORMA O FATO DE SER UM DINAMARQUÊS NA DINAMARCA AFETOU O SEU TRABALHO E CARREIRA?

Morar em um país tão pequeno e internacional faz com que você tenha uma visão para o exterior. Então, a nossa estratégia sempre foi ser internacional desde o início. O valor estético tem que ser considerado, mas o design tem mais a ver com a elaboração de produtos de alta qualidade que solucionam problemas; e isso é inerente ao design dinamarquês.

EM QUAL OUTRO LUGAR DO MUNDO VOCÊ MAIS GOSTA DE PEDALAR E POR QUÊ?

Adoro explorar as cidades de bicicleta. Isto dá a você tempo para olhar ao redor e iniciar conversas com os habitantes locais. Eu morei em São Francisco e gostava de andar de bicicleta lá. A cultura de bicicleta está emergindo, e no entanto os norte-americanos ainda estão muito apegados aos seus carros. É interessante ver estes dois grupos combinarem-se e coexistirem.

AGORA VOCÊ TEM UMA FILHA. COMO ELA MUDOU A SUA RELAÇÃO COM A CIDADE E O SEU TRABALHO?

Você começa a sair em novas horas do dia e para locais diferentes, o que me permite ver a cidade a partir de novas perspectivas. Ela agora tem 1 ano e é ótimo poder apresentá-la para a minha paixão.

PRO1B